Domingo, 22 de Maio de 2022

Nevoeiro

Curitiba - PR

Anúncio
Esportes Olímpicos Troféu Brasil

Seletiva para Mundial e Jogos Sul-americanos, Troféu Brasil de Natação terá transmissão do Canal Olímpico do Brasil

Competição ocorre no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro, entre os dias 4 e 9 de abril

30/03/2022 às 19h45
Por: Redação Fonte: Comitê Olímpico do Brasil
Compartilhe:
Foto: Rafael Bello/COB
Foto: Rafael Bello/COB

Uma competição que definirá a sequência da temporada dos nadadores brasileiros. É assim que pode ser encarado o Troféu Brasil de Natação, que acontece entre os dias 4 e 9 de abril, no Rio de Janeiro. Seletiva para os Mundiais júnior e adulto, além de classificatório para os Jogos Sul-americanos Assunção 2022, o evento terá transmissão ao vivo das eliminatórias e finais pelo Canal Olímpico do Brasil (canalolimpicodobrasil.com.br), parceria entre o COB e a NSports.

“Nosso intuito é valorizar cada vez mais os esportes olímpicos, e a NSports é peça fundamental nessa missão, oferecendo todo o suporte para a transmissão de vários eventos. Agora será a vez da natação, modalidade que tem nos trazido muita alegria em termos de resultados esportivos. Espero que o Troféu Brasil proporcione boas experiências para o público, atletas e demais envolvidos”, diz o diretor-geral do COB, Rogério Sampaio.

A transmissão do Canal Olímpico do Brasil contará com as participações especiais do medalhista olímpico Bruno Fratus, bronze em Tóquio 2020, e Joanna Maranhão, que detém até hoje o melhor resultado da história da natação feminina brasileira nos Jogos: 5° lugar nos 400m medley, em Atenas 2004. Ao lado deles estarão: o narrador Raony Pacheco, o comentarista Alex Pussieldi e a repórter Estella Gomes.

Dentro da piscina, a disputa será acirrada e contará com os principais nomes da modalidade no país, casos da campeã olímpica Ana Marcela Cunha, do medalhista olímpico Fernando Scheffer, e dos finalistas olímpicos Leonardo de Deus, Guilherme Costa e Guilherme Guido. Jovens promessas da natação também estarão presentes, como Stephanie Balduccini e Stephan Steverink.

Além de exibir todas as provas da competição, o Canal Olímpico do Brasil vai organizar um pré-jogo de 30 minutos antes do início de cada dia de finais, sempre com exibição simultânea na plataforma de streaming e no YouTube do Time Brasil. O pré-jogo começa às 18h (horário de Brasília).

“Iniciamos a parceria com o COB no final de 2020 e, desde então, temos pensado em inúmeras formas de ajudar na promoção do esporte olímpico no Brasil. Essa iniciativa faz parte desse plano, que visa não só a divulgação da competição em si, mas também democratizar o acesso a ela, dando visibilidade aos atletas e às marcas que apoiam os esportes olímpicos”, explica o CEO da NSports, Guilherme Figueiredo.

“É a nossa principal competição e, para nós, é muito bom poder contar com o Canal Olímpico do Brasil e a NSports. Tivemos uma transmissão de excelência na Seletiva Olímpica de 2021 e o nosso objetivo é repetir a dose este ano. Com certeza teremos um belo espetáculo e o público poderá acompanhar isso nas mais diversas plataformas”, complementa o presidente da CBDA, Luiz Fernando Coelho.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias