Segunda, 29 de Novembro de 2021
19°

Nevoa úmida

Curitiba - PR

Anúncio
Futebol Brasileirão 2021

Próxima parada: Série B

Os clubes que lutam contra o rebaixamento terão que remar e lutar para conseguir escapar dessa triste situação

06/11/2021 às 18h33 Atualizada em 06/11/2021 às 18h48
Por: FABRÍCIO ROCHA
Compartilhe:
Foto: Tarla Wolski/Futura Press
Foto: Tarla Wolski/Futura Press

O Campeonato Brasileiro de 2021 está chegando ao fim, após este final de semana, teremos apenas mais oito voltas para descobrir quem será o campeão. O Galo mineiro é o candidato favorito ao título, pois desde que assumiu a liderança não saiu mais, e agora, está a 10 pontos do segundo colocado, que é o Palmeiras

Porém, apesar da parte de cima da tabela estar emocionante, a parte da tabela que está mais acirrada é a de baixo. As últimas posições prometem uma disputa emocionante até a última rodada. Com a Chapecoense já rebaixada, ainda sobram mais três indigestas vagas, o Grêmio e o Juventude são os que menos esboçam reação, o Sport que ainda está na zona de rebaixamento vem mostrando evolução ganhando jogos importantes, que poderão até salvar o Leão.

Fazendo as contas

Os matemáticos da Universidade Federal de Minas Gerais, soltaram uma tabela com as probabilidades dos times serem rebaixados. A Chape, como já destacado acima, já está virtualmente rebaixada, com 100% de chances, seguido por Grêmio com 85,8 %, Juventude com 76,4% de possibilidade e o Sport com 76,2%. Times como o Bahia, Athletico Paranaense e Santos tem possibilidades menores.

Campanhas

Destaque negativo, como uma das piores campanhas da história, a equipe catarinense é a pior do Campeonato Brasileiro, um time apático, sem força com alguns atletas que jogam qualquer coisa menos futebol. O Verdão D’Oeste vem de nove jogos sem vencer, sendo três derrotas seguidas, somando apenas 13 pontos, restando 9 partidas, mesmo que a Chapecoense consiga o improvável que é ganhar os últimos nove jogos ela chega a 40, pontuação insuficiente para alcançar o Bahia, que é o primeiro time fora da “zona do atoleiro” somando 33 pontos.

O tricolor gaúcho precisa começar a mostrar a reação que teve nas rodadas passadas, na última quarta-feira, no Mineirão a equipe de Mancini até jogou bem, porém não conseguiu segurar o empate diante do Atlético Mineiro, somando mais uma derrota, por 2 a 1. A equipe do Imortal tem pela frente neste sábado o clássico Gre-Nal, contra seu arqui-rival Internacional, depois enfrenta o Bahia, um confronto direto para tentar fugir Z4.

A equipe do Juventude precisa de mais 12 pontos para conseguir escapar do descenso, e esses 42 pontos só conseguiu salvar equipes do rebaixamento apenas quatro vezes desde que o Campeonato Brasileiro passou a ser em pontos corridos. Foi no ano de 2010 com o Atlético–GO, com o Palmeiras em 2014, o Ceará em 2019 e o Fortaleza em 2020.

Dos 30 pontos disputados nesse segundo turno a equipe do Jaconeiro conseguiu apenas 07 pontos um a mais que a Chapecoense. Agora foca nos nove jogos restantes, que serão cinco em casa e quatro fora. E jogando longe de seus domínios o Verdão da Serra somou apenas nove dos 42 disputados, sendo o terceiro pior visitante. 

O Sport Recife vem mostrando reação importante na sequência do Brasileirão, ontem a equipe do Leão ganhou uma força a mais já que o Galo derrotou o Grêmio, os pernambucanos enfrentam o Fluminense fora de casa. O rubro-negro pernambucano é o sexto pior visitante no campeonato, a última vitória fora de casa foi contra o Grêmio a exatamente um mês, vitória por 2 a 1. 

De quem é a culpa?

A pergunta que fica é, "de quem é a culpa?" Bom, sempre a culpa “estoura” no solitário e individual que é o técnico. Mesmo sabendo que quem contrata são os dirigentes, o treinador não é aquele que forma o elenco ele apenas treina, quem contrata é o presidente. Mas nunca a torcida vai entender isso, não é à toa que o Brasil é um dos continentes que mais demite técnico, para que os cartolas sempre fiquem com o papel de bonzinho diante da torcida.

Essa mentalidade não tanto desportista, ocasiona isso que estamos vendo, grandes clubes caindo para divisões inferiores com todo respeito a Chapecoense, ao Juventude, ao Sport que são times bons e importantes, mas não são grandes claro no seu estado eles tem sua importância, porém esses clubes são de meio de tabela para baixo, geralmente quando esses clubes sobem se não cai no ano seguinte eles brigam até a última rodada para permanecer na série A.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias