Quarta, 27 de Outubro de 2021
21°

Céu encoberto

Curitiba - PR

Futebol Brasileirão 2021

Lei do ex aparece duas vezes e Athletico goleia o Grêmio na Arena

Com dois gols de Pedro Rocha e dois de Renato Kayzer, Furacão vence mais uma e se recupera no Brasileirão

26/09/2021 às 18h14
Por: GUILHERME DIAS
Compartilhe:
Foto: José Tramontin
Foto: José Tramontin

No final de tarde deste domingo (26), o Athletico Paranaense recebeu o Grêmio pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro 2021. Fazendo valer a “lei do ex” por duas vezes e se aproveitando das falhas defensivas do time gaúcho, o rubro-negro goleou o tricolor por 4x2.

No primeiro turno, as duas equipes se enfrentaram na Arena do Grêmio e quem decidiu a partida também foi um recém-contratado, o atacante Matheus Babi. Neste domingo, a história se repete, Pedro Rocha, que já havia decidido com um gol contra a equipe do Peñarol na quarta-feira, apareceu para fazer os dois gols da partida contra seu ex-clube.

O Jogo

A partida começou morna na Baixada, apesar do Athletico tentar chegar mais ao ataque, faltava o último passe para pisar na área e tentar chegar ao gol. Até os 11 minutos, a equipe paranaense chegou três vezes, o Grêmio chegou ao ataque pela primeira vez somente aos 16 minutos, com Ferreirinha, mas também sem perigo.

"Lei do ex" por duas vezes

E quando o primeiro tempo parecia se encaminhar para um 0x0, aos 30 minutos, Léo Cittadini foi ao ataque, roubou a bola da defesa, tocou para Kayzer que viu Pedro Rocha passar nas costas de Ruan. O camisa 32 recebeu e não perdoou, chutando na saída do goleiro. 1x0 Athletico.

Mesmo com o gol, o rubro-negro seguia em cima e buscando o ataque. Aos 36, Nicolas iniciou boa jogada pela esquerda, passou por três zagueiros e cruzou para área, Kayzer se antecipou e cabeceou pra fora. O Grêmio respondeu aos 40, Pedro Rocha saiu jogando errado e entregou a bola para Vanderson, que acionou Lucas Silva, o volante chutou com perigo pra fora.

A insistência do CAP acabou dando certo, e aos 45 minutos, Nikão recebeu lançamento nas costas de Rafinha e tentou chutar cruzado. A bola explodiu em Rodrigues e voltou para o meia, que cruzou pra área, Pedro Rocha se antecipou a Ruan e tocou de cabeça no cantinho, ampliando o placar. Athletico 2x0 Grêmio e fim de primeiro tempo.

2º Tempo

Para a segunda etapa, Felipão decidiu fazer duas mudanças no time, trazendo Douglas Costa e Léo Pereira para os lugares de Lucas Silva e Alisson. Com as alterações, o tricolor voltou melhor, buscando o ataque. 

Um gol atrás do outro

Quando o Imortal parecia melhor, o Furacão só precisou de um ataque para ampliar ainda mais o marcador. Aos 9 minutos, Cittadini ganhou a disputa de bola com Thiago Santos e tocou na direita para Khellven, o lateral ergueu a cabeça e cruzou pra Renato Kayzer, que subiu no meio de dois zagueiros e fuzilou de cabeça pro fundo do gol. Era o terceiro do Athletico, 3x0 pra cima do Grêmio.

Aos 13 minutos, o gol de honra do Grêmio. Vanderson cobrou o escanteio da direita e Thiago Santos subiu no meio de três zagueiros do CAP para ganhar de cabeça e diminuir o placar. Athletico 3x1 Grêmio.

Mas não deu nem tempo de comemorar, dois minutos depois o rubr-negro paranaense foi ao ataque. Em uma linda troca de passes Nikão tocou para Richard que deu um toquinho para Khellven na linha de fundo, tirando dos zagueiros, o lateral viu Kayzer entrando no meio da área e tocou a meia altura para o centroavante empurrar para o fundo do gol. Goleada na Arena, 4x1.

Com uma grande desvantagem no placar, a equipe gaúcha passou a ficar nervosa em campo. Diego Costa teve uma chance de falta aos 17 minutos, mas mandou longe. Logo depois, aos 19 e 20 minutos, dois cartões amarelos seguidos, para Ruan e Borja. 

A partida passou a ficar mais morna, com o time da casa dominando a partida, tocando a bola na defesa e se aproveitando dos erros do adversário para armar as suas jogadas. Aos 31 minutos, Paulo Autuori resolveu mexer no time pela primeira vezes, fazendo duas substituições: Bissoli por Kayzer, e Marcinho por Khellven.

Dois minutos depois, Nikão recebeu a bola de Richard, puxou pro meio e mandou um lindo chute do meio da rua, a bola caprichosamente bateu no travessão e saiu, seria um verdadeiro golaço. Felipão quase sem opções, mexeu novamente, tirando Thiago Santos por Sarará e colocando Darlan no lugar de Villasanti. 

Substituições que surgiram efeito

As substituições de Felipão deram certo, e aos 38, em uma cobrança de falta ensaiada, Douglas Costa rolou no fundo para Vanderson que chegou batendo cruzado, Santos que tinha se adiantado um pouco, tentou voltar, e bateu na bola, colocando ela pra dentro do gol. Diminui o Grêmio novamente, 4x2.

Aos 43 minutos, outra cobrança de falta ensaiada, Douglas Costa rolou para Ferreira, que invadiu a área e chutou, Santos encaixou e não soltou. Dois minutos depois, lançamento nas costas de Marcinho, Ferreira ganhou a jogada e chutou forte, obrigando o goleiro athleticano a fazer boa defesa.

Na reta fianl da partida e o nervosismo estava a solta, em menos de três minutos, três cartões amarelos para os gremistas. Por conta das faltas, os 5 minutos de acréscimos, viraram 7, mas não restava tempo pra mais nada. Fim de papo na Arena, Athletico 4x2 Grêmio.

Resultado

Com o resultado, o Furacão se mantém na 9ª posição do campeonato, com 30 pontos. Já o Grêmio se complica na zona de rebaixamento, com apenas 22 pontos, ficando na 18ª colocação.

A próxima partida do rubro-negro é novamente em casa, na quinta-feira (30), às 21h30, pela volta da Copa Sul-Americana, contra o Peñarol. O tricolor joga no domingo (03), às 20h30, em Porto Alegre, contra a equipe do Sport, pelo Brasileirão.

 

FICHA TÉCNICA

Data: 26 de setembro de 2021 (domingo)

Horário: 18h15 (horário de Brasília)

Estádio: Arena da Baixada (Curitiba/PR)

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

 

Cartões amarelos: Ruan (Grêmio), Borja (Grêmio), Zé Ivaldo (Athletico), Douglas Costa (Grêmio), Rafinha (Grêmio), Matheus Sarará (Grêmio).

 

GOLS:

Athletico: Pedro Rocha, aos 30 e aos 45 minutos do 1T. Kayzer, aos 9 e aos 15 minutos do 2T.

Grêmio: Thiago Santos, aos 13 minutos do 2T.

 

Athletico: Santos; Thiago Heleno (Nicolás Hernández), Zé Ivaldo, Lucas Fasson; Khellven (Marcinho), Richard (Christian), Léo Cittadini, Nicolas; Nikão, Pedro Rocha (Carlos Eduardo) e Renato Kayzer (Bissoli).

Técnico: Paulo Autuori

 

Grêmio: Gabriel Chapecó,; Vanderson, Ruan, Rodrigues, Rafinha; Thiago Santos, Lucas Silva (Douglas Costa), Villasanti; Alisson (Léo Pereira) Ferreira e Borja.

Técnico: Luiz Felipe Scolari

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias