Sábado, 31 de Julho de 2021 00:06
(41) 98889-8341
Futebol Brasileirão 2021

Athletico perde para o Santos e se distancia da liderança do campeonato

Com 20 pontos conquistados, Athletico permanece na segunda posição, podendo ser ultrapassado pelo Palmeiras que joga nesta quarta-feira (07)

06/07/2021 21h13 Atualizada há 3 semanas
Por: GUILHERME DIAS
Foto: Divulgação/SantosFC
Foto: Divulgação/SantosFC

Na noite desta terça-feira (06), o Athletico foi até a Vila Belmiro enfrentar o Santos, em busca da liderança do Campeonato Brasileiro 2021. Com um gol contra bisonho do zagueiro Zé Ivaldo, o rubro-negro perdeu para o Peixe e se distanciou da liderança do campeonato.

Poupando titulares, o técnico António Oliveira começou a partida com um time misto, porém, mesmo colocando os titulares no segundo tempo, o rubro-negro não conseguiu quebrar o tabu de ter vencido apenas 1 vez, em 25 jogos na Vila Belmiro.

Santos 2 x 1 Athletico

O jogo começou agitado na Vila Belmiro, logo aos 2 minutos, Lucas Braga pediu pênalti em suposta falta na área, o VAR foi acionado, mas mandou seguir. Aos 9 o Furacão respondeu, cruzamento de Christian, Babi subiu mais alto que a zaga, mas testou pra fora.

O Santos era mais perigoso e seguiu no ataque. Aos 16, Marcos Guilherme chutou de longe, o goleiro Santos fez linda defesa. Com 18 minutos, novamente o Peixe, Gabriel Pirani chutou da intermediária, o arqueiro rubro-negro fez linda defesa.

Aos 29 minutos, a bola foi novamente enfiada para Pirani que chutou pra fora. Porém, 1 minuto depois, em um chutaço de longe de Marinho, o arqueiro rubro-negro deu rebote, Madson foi rápido para pegar o rebote e cruzou para Marcos Guilherme, que sem goleiro, finalizou pro fundo da rede. Santos 1x0.

Com o gol, o Furacão acordou. Quando o primeiro tempo se encaminhava para o fim, Vitinho recebeu lançamento e ganhou na corrida de Luiz Felipe, mas chutou fraco, para defesa de João Paulo. Até que aos 45, em uma linda jogada pela esquerda, Abner ajeitou para Vitinho, que cruzou rasteiro, Fernando Canesin se antecipou a defesa e chutou para o gol, empatando a partida no último lance do primeiro tempo. Santos 1x1 Athletico.

O segundo tempo começou da pior forma possível para torcida rubro-negra. Logo aos 2 minutos, Lucas Braga fez boa jogada pela esquerda e cruzou pra área, a bola desviou em Richard e Zé Ivaldo acabou finalizando contra a própria meta, desempatando a partida. Santos 2x1.

Após o gol, o técnico António Oliveira resolveu promover alterações na equipe, colocando o time pro ataque com as entradas de Nikão, David Terans e Khellven no lugar de Zé Ivaldo, Fernando Canesin e Marcinho. 

Aos 23 minutos, nova mudança, Kayzer entrou no lugar de Babi e Leo Cittadini no lugar de Christian. As mudanças surgiram efeito, e o rubro-negro passou a atacar mais o Peixe, aos 24, Nikão avançou pela intermediária e chutou com perigo, pra fora.

Com 27 minutos, o técnico interino Eduardo Zuma respondeu as mexidas e colocou Carlos Sanchez na partida no lugar de Gabriel Pirani. Apesar da mudança, a equipe visitante ainda era mais perigosa. Aos 34, Terans recebeu bom passe na área, mas não conseguiu pegar em cheio, mandando pra fora. Zuma então resolveu mexer mais uma vez no time, tirando Marcos Guilherme e Lucas Braga, para colocar Vinicius Zanocelo e Marcos Leonardo.

Aos 48 minutos, quase no apagar das luzes, o lance mais polêmico da partida. Após confusão na área, o goleiro Santos ficou caído e Carlos Sánchez chutou para o gol. Thiago Heleno, já no chão, desviou com a cabeça. O árbitro deu o pênalti, porém, o VAR anulou o lance. 

Após o lance, o juiz ainda acrescentou mais 2 minutos de acréscimo e o Athletico seguiu lutando . Aos 50 em bate-rebate na área, a bola sobrou para Kayzer que de frente pro gol, chutou pra fora. Final de jogo Santos 2x1 Athletico.

Com o resultado, o rubro-negro permanece momentaneamente na segunda colocação, com 20 pontos, podendo ser ultrapassado pelo Palmeiras, que tem 19. Já o alvi-negro, entrou no G6, com 15 pontos.

O próximo compromisso do Athletico tem um confronto direto contra o Bragantino dentro de casa, no sábado (10). O Santos, também no sábado, vai até o Allianz Parque, encarar o Palmeiras.

 

FICHA TÉCNICA 

 

Data: 03 de julho de 2021 (sábado)

Horário: 19h30 (horário de Brasília)

Estádio: Vila Belmiro (Santos/SP)

Árbitro: Vinicius Gomes do Amaral (RS)

Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e André da Silva Bitencourt (RS)

VAR: Jean Pierre Goncalves Lima (SC)

 

Cartões amarelos: Kayky (Santos), Luiz Felipe (Santos), Thiago Heleno (Athletico), Kayzer (Athletico) 

 

GOLS:

Santos: Marcos Guilherme, aos 30 minutos do 1T. Zé Ivaldo, contra, aos 02 minutos do 2T.

Athletico: Fernando Canesin, aos 45 minutos do 1T.

 

Santos: João Paulo; Madson, Luiz Felipe, Kayky, Moraes; Camacho, Jean Mota, Gabriel Pirani (Sánchez); Lucas Braga (Vinicius Zanocelo), Marcos Guilherme (Marcos Leonardo) e Marinho.

Técnico: Eduardo Zuma

Athletico: Santos; Thiago Heleno, Pedro Henrique, Zé Ivaldo (Nikão); Marcinho (Khellven), Richard, Christian (Leo Cittadini),  Abner; Vitinho, Fernando Canesin (Terans) e Matheus Babi (Kayzer).

Técnico: António Oliveira

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias