Sexta, 30 de Julho de 2021 23:41
(41) 98889-8341
Futebol Brasileirão 2021

Com início avassalador, Athletico vence Fortaleza e dorme na liderança do Brasileirão

Rubro-negro conquistou a sua 6ª vitória na competição e saldo positivo de 9 gols, fazendo seu melhor início de Brasileirão da história

03/07/2021 18h42 Atualizada há 4 semanas
Por: GUILHERME DIAS
Foto: José Tramontin
Foto: José Tramontin

Neste sábado (03), o Athletico recebeu o Fortaleza na Arena da Baixada, em partida válida pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro 2021. Mesmo marcando dois gols em menos de 10 minutos, o rubro-negro sofreu pressão no final, mas soube se fechar para garantir a vitória e assumiu a liderança momentânea da competição. 

Com a vitória, o rubro-negro dorme na liderança do campeonato, com 19 pontos, o mesmo número de pontos conquistados no primeiro turno inteiro de 2020. Já o Fortaleza estaciona na 4ª posição, com 15 pontos, mas com o risco de deixar o G4 no complemento da rodada.

Athletico 2 x 1 Fortaleza

O Furacão não deixou o Leão nem respirar. Logo na saída de bola, com 1 minuto de jogo, a equipe rubro-negra trocou passes até a bola chegar na ponta esquerda para Vitinho, o atacante cruzou rasteiro para Terans, que girou e bateu firme, abrindo o placar na Arena. Athletico 1x0.

Sete minutos depois, novamente pela esquerda, o Athletico chegou no ataque, David Terans cruzou e Thiago Heleno cabeceou, o goleiro Felipe Alves fez ótima defesa, mas bola sobrou nos pés de Vitinho, que chutou, e Matheus Babi desviou para o fundo das redes. Furacão 2x0.

Mesmo com 2x0 no placar, o rubro-negro queria mais. Aos 10 minutos, Terans achou Vitinho na entrada da área, que fuzilou para o gol, a bola bateu no travessão, quicou na linha, mas não entrou. Os jogadores do Athletico pediram gol, mas o VAR confirmou que a bola não entrou.

Aos 23 minutos, finalmente o Fortaleza conseguiu reagir com três chegadas perigosas, na primeira, o cruzamento acabou na mão de Santos. Na segunda, aos 27, Matheus Vargas recebeu cruzamento no meio da área e bateu firme, no meio do gol, Santos defendeu novamente. Aos 28 a mais perigosa, Lucas Crispim cruzou rasteiro da direita, a bola passou por dois jogadores do Fortaleza, na cara do gol, que não conseguiram desviar.

O Fortaleza seguiu tentando atacar, mas o Athletico era mais perigoso. Aos 45, Babi ganhou a jogada na esquerda, inverteu para Nikão, que tocou para Christian, o meia chutou com força pra fora. Com mais dois minutos de acréscimo, o árbitro apitou, finalizando o primeiro tempo.

No segundo tempo, o jogo foi mais pegado. Logo aos 30 segundos, a equipe cearense chegou pela esquerda com Lucas Crispim, que cruzou para Pikachu bater forte, na rede pelo lado de fora. Dois minutos depois, o Fortaleza chegou novamente, após bela troca de passes, Tinga cruzou pra área, Robson tentou uma bicicleta, mas mandou pra fora.

O Leão atacava e queria o gol, aos 7, em cobrança de falta perigosa, Matheus Vargas desviou pra fora. Dois minutos depois, novamente Vargas, o meia carregou a bola pela intermediária e bateu colocado, com muito perigo, pra fora.

Com 12 minutos, Vojvoda fez as primeiras alterações no time, tirando Osvaldo e Felipe, pra entrada de David e Luiz Henrique. Aos 17, o Athletico conseguiu chegar pela primeira vez na segunda etapa. Marcinho recebeu no bico da área, puxou para o meio e bateu forte, a bola passou muito perto do gol. Aos 23 minutos, Robson deixou o jogo, na 3ª alteração do Leão, dando lugar para Igor Torres.

Com 31 minutos, o técnico português António Oliveira resolveu mexer pela primeira vez na equipe. Nikão e Terans foram sacados para entrada de Leo Cittadini e Erick. Logo depois aos 35, Vitinho deu lugar a Carlos Eduardo.

O Fortaleza atacou, atacou e finalmente conseguiu diminuir o placar. Aos 40 minutos, Lucas Crispim cruzou pra área, Éderson dominou e jogou para Igor Torres , que chutou forte, a bola ainda desviou na zaga e entrou no cantinho, diminuindo o placar. Athletico 2x1 Fortaleza.

Com o gol, o jogo ficou acendeu. Aos 42, António Oliveira fechou a casinha colocando mais um zagueiro em campo. Zé Ivaldo entrou no lugar de Christian.

Aos 43, Babi recebeu na direita e chutou forte, o goleiro defendeu. Apesar de toda pressão, o Athletico conseguiu suportar o ataque do tricolor, aguardando o apito final do árbitro, para encerrar a partida. Final Athletico 2x1 Fortaleza.

Na próxima rodada, o Furacão vai até a Vila Belmiro, na terça-feira (06), encarar o Santos. Já o Fortaleza recebe em casa o América Mineiro, na quarta-feira (07) tentando se reabilitar e brigar pelas primeiras posições.

 

FICHA TÉCNICA 

 

Data: 03 de julho de 2021 (sábado)

Horário: 19h00 (horário de Brasília)

Estádio: Arena da Baixada (Curitiba/PR)

Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli (MG)

Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Fernanda Nândrea Gomes Antunes (MG)

VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

 

Cartões amarelos: Robson (Fortaleza), Vitinho (Athletico), Ronald (Fortaleza), Yago Pikachu (Fortaleza), Abner (Athletico), Babi (Athletico).

 

GOLS:

Athletico: Terans, a 1 minuto do 1T. Babi aos 8 minutos do 1T.

Fortaleza: Igor Torres, aos 40 do 2T.

 

Athletico: Santos; Marcinho, Pedro Henrique, Thiago Heleno, Abner; Richard, Christian (Zé Ivaldo), Terans (Erick); Nikão (Leo Cittadini), Vitinho (Carlos Eduardo) e Matheus Babi.

Técnico: António Oliveira

 

Fortaleza: Felipe Alves; Tinga, Marcelo Benevenuto, Titi; Yago Pikachu, Ronald (Ederson), Felipe (Luiz Henrique), Matheus Vargas (Romarinho), Lucas Crispim; Osvaldo (David) e Robson (Igor Torres).

Técnico: Juan Vojvoda

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias