Quarta, 27 de Outubro de 2021
21°

Céu encoberto

Curitiba - PR

Sul-americana Sul-americana

Última Rodada da Copa Sul-Americana começa hoje

Veja o que clubes brasileiros precisam para se classificar para a próxima fase; apenas o líder do grupo avança

25/05/2021 às 10h17 Atualizada em 30/05/2021 às 19h43
Por: Eduardo Souza
Compartilhe:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Nesta terça-feira (25) inicia a sexta, e última, rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. Entre os oito brasileiros participantes, temos equipes já classificadas, eliminadas e algumas que ainda brigam pela classificação. Vale lembrar que diferente de como ocorre na Libertadores, apenas o primeiro colocado de cada grupo se classifica para a próxima fase.

Grupo B – Bahia

O Bahia foi derrotado pelo Independiente na rodada anterior, caiu para a terceira posição e viu a classificação ficar um pouco distante, mas nada impossível. O Bahia tem nove pontos e recebe o segundo colocado Montevideo City Torque, também com nove pontos. Além de vencer o seu jogo, precisa contar com uma derrota dos argentinos. Ambos os resultados podem ser por vitória simples (diferença de apenas um gol), pois o Bahia já possui o mesmo número de saldo que o Independiente, cinco.

Bahia x Montevideo City Torque – Quarta-feira – 19h15

Grupo C – Ceará

O Ceará é uma das equipes brasileiras que, teoricamente, já tem a classificação encaminhada e depende apenas de si mesmo. O Vozão, com nove pontos, visita o Jorge Wilstermann e precisa apenas de uma vitória simples para garantir a classificação, sendo que os bolivianos já estão eliminados, são o lanterna do grupo com nenhuma vitória e apenas dois pontos na competição.

No outro duelo da chave, ambas as equipes precisam vencer para se classificar. A vida do Arsenal Sarandi ainda é mais fácil, pois precisa só de um empate no jogo do Vozão. Caso o Bolívar vença, ainda é necessário torcer por uma derrota do Ceará e também tirar uma diferença de saldo de gols, que hoje está em 4 (Ceará) para -1 (Bolívar).

Jorge Wilstermann x Ceará – Quinta-feira – 19h15

Grupo D – Athletico Paranaense

O Furacão é o líder do grupo D com 12 pontos, e também é um dos brasileiros que tem vida fácil nesta última rodada. O rubro-negro recebe o Aucas, já eliminado, e precisa apenas de um empate para garantir a classificação. Caso seja derrotado, só pode ser alcançado em caso de vitória do Melgar sob o também já eliminado Metropolitanos.

A única dúvida é sobre o local que será realizada a partida, que estava marcada para às 21h30 na Arena da Baixada, em Curitiba. No entanto, em função do decreto municipal, atividades esportivas estão proibidas durante a semana após às 21h00 na capital, e existe a possibilidade de o duelo ser transferido para a Arena Joinville. Vale destacar que o Furacão já foi multado pela Prefeitura em função da realização da partida contra o Melgar, na quinta rodada da competição.

Athletico x Aucas – Quinta-feira – 21h30

Grupo E – Corinthians

O Corinthians é a única equipe brasileira que chega já eliminada para disputar a última rodada da competição. Com sete pontos, não alcança mais o líder Peñarol, que tem 12. A equipe paulista recebe o River Plate do Paraguai, que tem caminho difícil em busca da classificação. Os paraguaios precisam vencer a sua partida e ainda torcer por uma derrota do Peñarol diante do Sport Huancayo, lanterna do grupo com zero pontos. Em caso de empate dos uruguaios, a classificação ainda é matematicamente possível, só que o River Plate teria que tirar uma diferença de saldo de 12 gols, o que não deve acontecer.

Corinthians x River Plate-PAR – Quarta-feira – 21h30

Grupo F – Atlético Goianiense

O Dragão segue vivo em busca da classificação em sua segunda participação em uma competição continental. O Atlético Goianiense é o segundo colocado do grupo, com nove pontos e vista o Newell’s Old Boys, terceiro colocado com sete pontos, e que também ainda possui chances de classificação.

A equipe goiana até se classifica com um empate, mas aí dependeria de uma vitória do Palestino, lanterna do grupo com apenas um ponto, por no mínimo três gols de diferença sob o Libertad, que hoje é o líder do grupo com 10 pontos. O ideal é que os goianos vençam o seu jogo, pois um empate na outra partida já garantiria a classificação.

Newell’s Old Boys x Atlético Goianiense – Terça-feira – 19h15

Grupo G – Red Bull Bragantino

O Braga possui situação muito parecida a do Atlético Goianiense. Segundo colocado com nove pontos, também está a apenas um ponto do líder Emelec. No entanto, ambas as equipes enfrentam adversários já eliminados da competição.

O Bragantino também pode se classificar com um empate diante do Tolima, mas teria que torcer por uma goleada de cinco gols ou mais do Talleres para cima do Emelec. Com uma vitória simples, o RB Bragantino conta com apenas um empate no outro jogo do grupo para se classificar.

Tolima x Red Bull Bragantino – Terça-feira – 21h30

Grupo H – Grêmio

O tricolor gaúcho é a única equipe brasileira já classificada antecipadamente. Com 15 pontos, não pode ser alcançada pelo Lanús, segundo colocado com nove pontos. Inclusive, vai até com time reserva para a última rodada da fase de grupos.

La Equidad x Grêmio – Quinta-feira às 21h30

As equipes que se classificarem aqui não terão vida fácil na próxima fase. Em 2021, será o primeiro ano que os terceiros colocados da fase de grupos da Libertadores disputarão a Sul-Americana a partir das oitavas de final, em modelo muito parecido com o que ocorre hoje entre Champions League e Europa League.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias