Segunda, 29 de Novembro de 2021
20°

Nevoa úmida

Curitiba - PR

Anúncio
Esportes Olímpicos Atletismo

Brasil conquista a medalha de prata no 4x400m misto e é desclassificado no 4x100m masculino

Alison dos Santos arranca nos últimos 200m e garante a inédita prata no revezamento

02/05/2021 às 16h16 Atualizada em 06/05/2021 às 11h15
Por: LEANDRO GEORGETE
Compartilhe:
Foto: Fernando Reis/CBAt
Foto: Fernando Reis/CBAt

O Brasil conquistou neste domingo (02) a inédita medalha de prata no 4x400m misto, no Mundial de Revezamento, que acontece em Chorzow, na Polônia. A modalidade estreia nos Jogos Olímpicos de Tóquio. A equipe masculina do revezamento 4x100m, também chegou a comemorar a medalha de prata na modalidade, porém acabou sendo desclassificado ao pisar na linha após revisão da prova.

Na prova mista do 4x400m, os brasileiros fizeram uma prova com emoção até a última passada. Anderson Henrique largou bem e o Brasil assumiu a liderança temporariamente na segunda passagem de bastão, com Tiffani Marinho. Com uma prova muito apertada, Geisa Coutinho entregou o bastão para Alison dos Santos na quinta posição. Alison arrancou nos primeiros 220m e nos últimos 200 ligou o turbo para conquistar a prata. A medalha de ouro ficou com a Itália e o bronze com a República Dominicana.

Os favoritos e atuais campeões do 4x100m masculino, os brasileiros fizeram uma prova muito boa e até mesmo assumiram a liderança e perderam o bicampeonato por um décimo de segundo para os sul africanos. No entanto, o que fez a equipe perder o bicampeonato foi a infração cometida pelo velocista Derick Souza, que acabou pisando na linha desclassificando o time.

A vaga para os Jogos Olímpicos no revezamento 4x100m masculino já tinha sido garantida com o título no Mundial de 2019, no Japão. No 4x400m misto, a vaga foi conquistada com a final do Mundial de Doha, também em 2019.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias