Domingo, 16 de Maio de 2021 00:26
(41) 98889-8341
Anúncio
Geral Com

Com gol de Fabinho, Athletico vence o Coritiba e quebra jejum de 7 jogos sem vencer

Na tarde deste sábado (12), Athletico Paranaense e Coritiba se enfrentaram na Arena da Baixada pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro 2020, os dois times entraram em campo brigando para fugir da zona do rebaixamento. Com gol marcado por Fabinho, o rubro-negro venceu o rival, e quebra o jejum de se

12/09/2020 18h59
8
Por: Redação
Com gol de Fabinho, Athletico vence o Coritiba e quebra jejum de 7 jogos sem vencer
Na tarde deste sábado (12), Athletico Paranaense e Coritiba se enfrentaram na Arena da Baixada pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro 2020, os dois times entraram em campo brigando para fugir da zona do rebaixamento. Com gol marcado por Fabinho, o rubro-negro venceu o rival, e quebra o jejum de sete jogos sem vitória.

Esse foi o primeiro Atletiba no campeonato brasileiro após três anos. A última partida entre as duas equipes havia acontecido em 2017, antes do Coritiba ser rebaixado para a segunda divisão.

Em 2020, a dupla já disputou quatro partidas, sendo a primeira vencida pelo alvi-verde sobre os aspirantes do time rubro-negro, e as outras três, pelo Athletico, incluindo as finais do Campeonato Paranaense, onde o Furacão sagrou-se tri-campeão.

O jogo


O Athletico fez valer o seu mando de campo e foi pra cima do Coritiba, logo aos 2 minutos, teve uma falta perigosa na entrada da área e Igor Jesus levou o primeiro amarelo do jogo. Aos 11, o Furacão já balançava as redes, Jonathan fez uma bela jogada pela direita, driblou o zagueiro, invadiu a área e chutou, a bola carimbou o zagueiro e sobrou nos pés de Fabinho, que mandou uma bomba, sem chances para o goleiro Wilson, fazendo 1x0 Athletico.

O Coxa não se acuou, e aos 13 respondeu com um cruzamento perigoso, Santos se jogou e afastou. A partir daí, o rubro-negro assumiu o comando da partida e começou a trocar passes. O Coritiba só apareceu novamente aos 26, em um belo chute de Matheus Bueno, a bola tinha endereço, mas Santos fez uma bela defesa e mandou para escanteio.
Aos 45 o Coxa teve mais uma falta, no bico da grande área, mas que não levou nenhum perigo ao arqueiro athleticano. Final de primeiro tempo com domínio do time da casa.

No segundo tempo, o Verdão voltou com duas alterações Jonathan deu lugar a Natanael na lateral, e Galdezani saiu para entrada de Geovani. No Athletico, também houveram mudanças, Abner entrou no lugar de Márcio Azevedo.

Com as mudanças, a equipe do Alto da Glória, veio ao ataque e pressionou mais o Athletico. Logo aos 6 minutos, William Matheus arrancou pela esquerda, e fez um cruzamento que foi quase chute, encobrindo o goleiro Santos, a bola pegou no travessão e foi pra fora.
Aos 8, novamente o Coxa no ataque, Sassa recebeu passe dentro da área e chutou forte, a bola foi na rede pelo lado de fora. Aos 13, William Matheus novamente fez boa jogada pela esquerda e fez belo chute, a bola tirou tinta da trave. No mesmo minuto, o técnico Eduardo Barros mexeu no time, colocando Carlos Eduardo no lugar de Geuvânio.

O Athletico começou a reagir e respondeu com bons ataques de Nikão. Abner quase fez gol olímpico em duas cobranças venenosas de escanteio, o goleiro Wilson teve trabalho para tirar. Nikão foi tirado de campo logo depois, para dar entrada a Bissoli.

Com 25 minutos, o técnico Jorginho promoveu mais uma alteração no Coxa, Luisinho entrou no lugar do zagueiro Rhodolfo. Porém, menos de 1 minuto depois, em um ataque do Coritiba, Igor Jesus subiu com o braço levantado e deu uma cotovelada em Thiago Heleno, o meia levou cartão vermelho direto, deixando o Verdão com um a menos. Este foi o 4ª jogo seguido do Coritiba, em que a equipe teve um jogador expulso.

A partir disso, o Athletico se lançou ao ataque. Aos 36, Bissoli roubou a bola na intermediária e fez um belo arremate, a bola passou muito perto, a direita do goleiro. O Coritiba ainda fez mais duas alterações aos 37, colocando Giovanni Augusto e Yan Sasse em campo, mas era o rubro-negro quem atacava.

Com 40 minutos, as últimas alterações na equipe athleticana, Ravanelli e Alvarado entraram no lugar de Jonathan e Fabinho. E no primeiro minuto em campo, Ravanelli acabou perdendo um gol praticamente feito, deslizando e pegando mal na bola.
O Coxa reagiu com as mudanças e no finalzinho do jogo pressionou o Athletico. Aos 43, Giovanni Augusto, recebeu belo lançamento e saiu na cara de Santos, que fez um milagre, porém o árbitro já marcava impedimento na jogada. No apagar das luzes, o Coritiba tentou novamente com Giovanni Augusto, mas a bola acabou indo para fora, dando tiro de meta para o Athletico. Assim, o árbitro Jean Pierre Gonçalves pediu a bola e encerrou a partida. Final Athletico 1 x 0 Coritiba.

Com o resultado, o Athletico vai momentaneamente a 10ª posição, com 11 pontos, enquanto o Coritiba cai para 18ª, com 8. O próximo confronto da equipe alvi-verde é contra o Vasco da Gama, no próximo domingo (20), às 16h.

Já o Athletico, vai até a Bolívia, no retorno da Copa Libertadores da América, enfrentar o Jorge Wilstermann, na próxima terça-feira (15), às 19h15.

Foto: Divulgação /  Twitter Athletico Paranaense

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias