Sábado, 15 de Maio de 2021 23:28
(41) 98889-8341
Anúncio
Geral Coritiba

Coritiba perde em Itaquera e continua na lanterna no Brasileirão

Na noite desta quarta-feira (19), Corinthians e Coritiba se enfrentaram pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro 2020, na Arena Corinthians, em São Paulo. Com um jogo bastante movimentado no primeiro, a equipe curitibana chegou a empatar a partida em 1 a 1. Mas o Timão dominou a segunda etapa e venc

19/08/2020 23h57
11
Por: Redação
Coritiba perde em Itaquera e continua na lanterna no Brasileirão

Na noite desta quarta-feira (19), Corinthians e Coritiba se enfrentaram pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro 2020, na Arena Corinthians, em São Paulo.  Com um jogo bastante movimentado no primeiro, a equipe curitibana chegou a empatar a partida em 1 a 1. Mas o Timão dominou a segunda etapa e venceu por 3 a 1. A derrota preocupou ainda mais a torcida Coxa-branca que continua na lanterna do campeonato.

Eduardo Barroca, que já estava pressionado no comando do Coritiba, teve mais um voto de confiança da diretoria, mas não conseguiu vencer o Timão fora de casa. Com muita pressão da torcida e da diretoria, o futuro do técnico deve ser definido durante essa semana.

O jogo

O jogo começou aberto para os dois lados. Até mesmo pela pressão interna do time curitibano, a equipe começou o jogo pressionando o Corinthians com a primeira finalização no primeiro minuto de jogo com o Sassá. Já o Timão respondeu com uma finalização um minuto depois.

Sem grandes movimentações perto do gol, o lance que mais chamou atenção no começo do jogo foi a expulsão de Yan Sasse aos 15 minutos. O jogador Coxa-branca perdeu a cabeça e deu uma cotovelada no rosto de Ángelo Araos após uma disputa de bola.

Esquentando o jogo e dando um susto nos torcedores dos dois times, aos 25 houve um pênalti para o time paulista. Patrick Vieira subiu para uma disputa no alto e deslocou o jogador corinthiano Léo Natel. Jô cobrou no canto direito de Wilson e fui o goleiro fazer a defesa. Porém, o árbitro de vídeo mandou voltar a cobrança pois o goleiro Coxa-branca se adiantou. Jô foi novamente para a cobrança e dessa vez chutou no canto esquerdo. Para a comemoração dos torcedores do Coritiba, Wilson pula pro canto certo e faz a defesa, e dessa vez sem se adiantar.

Os dois times continuaram atacando sem perigo de gol, até aos 38 minutos, quando Léo Natel, chuta forte de fora da área, a bola devia na zaga coxa-branca e fica indefensável para Wilson. Era o primeiro gol do Corinthians.

A partir do gol o Coritiba abriu o jogo e foi para cima do seu adversário, finalizou mais uma vez com Matheus Galdezani, mas com Sassá que veio o gol de empate aos 42 minutos do primeiro tempo. Com o cruzamento de William Matheus, a bola passou por toda a pequena área corinthiana para a felicidade de Sassá que marcou o primeiro gol do Coritiba no Campeonato Brasileiro.

E assim terminou o primeiro tempo, empatado em 1 a 1 e o Coritiba com um a menos em campo.

Na volta do intervalo, Evandro Fornari, técnico corinthiano no jogo de hoje, tirou Ramiro e Gabriel para as entradas de Éderson e Mosquito, ex jogador do Coritiba.

E as mudanças fizeram efeito logo no início do segundo tempo. Com algumas chegadas no ataque, o Corinthians conseguiu tirar o 1 a 1 do placar. Aos 3 minutos Araos fez o cruzamento para a área e Jô desvia de cabeça para o fundo da rede marcando segundo gol corinthiano da noite. Eduardo Barroca já agiu rápido e colocou Wellissol na partida no lugar de Robson.

O Coritiba que sentiu o gol e não conseguia atacar, viu de perto o Corinthians chegar muito perto do terceiro gol. Aos 11 minutos Fagner cruzou a bola na área, Sidcley cabeceou e Rhodolfo tira a bola que já tinha passado das mãos de Wilson. Três minutos depois Fagner recebe a bola e chuta de primeira, Wilson espalma, Jô pega de primeira no rebote e a bola passa perto do gol Coxa-branca.

O Corinthians seguiu pressionando o time curitibano que não conseguia armar as jogadas. Barroca saca Neílton do jogo para entrada de Igor Jesus para dar um gás a mais para a equipe. Evandro Fornari promoveu suas últimas mudanças na sua equipe, tirou Léo Natel, Sidcley e Cantillo para colocar Ruan, Lucas Piton e Camacho.

Aos 32 minutos Eduardo Barroca altera mais uma vez sua equipe. Saiu Matheus Galdezani e Matheus Bueno, para entrar Matheus Sales e Luis Henrique.

No fim do segundo tempo o Corinthians continuou pressionando e chegando ao ataque. Com a cabeçada de Éderson, desvio de Jô e defesa de Wilson aos 38, o time paulista chegou perto do terceiro gol. Mas ele só saiu aos 41 com Gustavo Mosquito. No cruzamento de Lucas Piton, Mosquito se antecipou e mandou a bola para rede, fazendo a Lei do ex marcar presença na Arena Corinthians. Sassá ainda teve a chance de diminuir o placar mas chutou fraco para a alegria de Cássio, que não teve muitas dificuldades na partida.

O destaque da partida ficou para Jô, que apesar de ter perdido o pênalti, marcou um gol e deu o passe para Piton cruzar no terceiro gol. Do lado Coxa-branca, o destaque foi para o goleiro Wilson, que defendeu um pênalti e evitou um placar mais elástico em São Paulo.

Com o resultado, o Corinthians, com um jogo a menos, dorme na 10ª posição. Já o Coritiba amarga a quarta derrota e continua na lanterna do Brasileirão. Próximo jogo do Timão será na quarta-feira (26) às 21h30 contra o Fortaleza na Arena Corinthians. A próxima partida do Coxa será no domingo (23), às 16h contra o Red Bull Bragantino em Bragança Paulista.


Foto: Divulgação/Site Oficial do Coritiba


Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias